22/03/2015

MESMO QUE SEJA BIZARRO

 As vezes me lembro de quando não tinha tantas responsabilidades, lembro de uma garotinha arteira que queria ser grande. Eu não tinha ideia do que era a vida, não precisava dar um jeito, ou uma desculpa, nem responder tanta pergunta. Só que as coisas mudam, e a gente cresce. Acumula tarefas, precisa tomar atitudes, aprender à tomá-las, ter decisões difíceis, e muitas que te fazem abrir mão de coisas e pessoas. Somos obrigados a descobrir quem nos tornamos, mas afinal, quem somos nós? Um momento? Um olhar de verdade? O que nossos genes permitem? Será que isso é crescer?
Não, eu acho que não!
A questão maior não tem à ver com toda essa rotulagem que nos cerca o tempo inteiro, tem à ver com toda a bagagem que você mesmo escolhe, o tempo inteiro. Você se auto constrói toda vez que diz algo, que acerta (ou erra, e erra muito), que te faça refletir, que te machuque, que te faça maior. Nós não mudamos absolutamente nada, a essência da vida sempre caminhou lado a lado. Eu sou a minha dor, o meu caráter, as minhas escolhas, eu sou cada cicatriz que tenho, no corpo e na alma. Eu sou aquela mesma garotinha, e serei infinitamente cada passo que der, cada lembrança que existir em mim. Todas elas!

   

28 comentários:

  1. Gostei muito do post ♥

    Já viu as minhas unhas da semana no blog? Se sim, obrigada pela visita.Se não, vem conferir ♥http://www.blogespacoteen.com/2015/03/unhas-da-semana-francesinhas.html
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  2. Amei o post. Tbm tenho saudades "de não ter responsabilidades, de ser aquela garotinha que via o futuro à milhas de distância." .
    Adorei o post :) .
    Beijos,

    Princess Girls Blog♥
    Twitter♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não há tempo que volte, vamos viver tudo que há pra viver ♫♪

      Excluir
  3. Que texto lindooo! Acho que mais do que nunca, temos que viver para nós mesmos, atras dos nossos sonhos e desejos. A sociedade é muito egoísta e depender dela pra ser feliz ou ate mesmo perfeito aos olhos dos outros, nunca é a melhor saída

    Beijoos, Ana Carolina
    www.simplesglamour.com.br
    Instagram e Twitter: @simplesglamour

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Ana. A gente não precisa seguir nenhum tipo de tribo ou de rótulo pra chegar um resultado positivo. "Mesmo que seja estranho, seja você"

      Excluir
  4. Que texto maravilhoso, amei amei
    Belo post!
    www.iamcamilakellen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ah adorei <3 "Eu sou aquela mesma garotinha, e serei infinitamente cada passo que der" e a musica muito bem escolhida por sinal!

    beijos.
    cherrycharming2.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa música, essa cantora ♥♥♥

      Excluir
  6. É exatamente isso, bru! ♥

    ResponderExcluir
  7. Primeiro deixa eu dizer que amei as fotos *--*
    Amei seu blog e é bem verdade o que você escreveu, crescer é complicado e nós somos as nosas escolhas, o que dissemos e o que somos. Amei o vídeo da Pitty no final <3

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro deixa eu dizer que obrigadaaa, por tudo ♥

      Excluir
  8. Também sinto saudades de não ter responsabilidades :)

    MORNING DREAMS

    Sofia Silva, Beijos*

    ResponderExcluir
  9. Adorei o post,e as fotos!
    Que legal
    Beijos,tem novo post no blog
    http://www.blogalemdohorizonte.com/

    ResponderExcluir
  10. Excelente texto. Este "estalo" é o que falta para uma maior aceitação e felicidade :)
    ;**

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, a gente cresce e muda sem ao menos perceber...

      Excluir
  11. Amei o texto, é bem isso mesmo :)
    http://destaquem-se.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou, Rafa!!

      Excluir
  12. Adorei seu trecho: "eu sou cada cicatriz que tenho, no corpo e na alma".
    E claro, AMOOOO essa música da Pitty "Mesmo que seja estranho, seja você, mesmo que seja bizarro"

    bjs
    blogtrashrock.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E a minha teoria, Marí. A gente é o que escolhe ser desde sempre. E Pitty é musa since ever, né? ♥

      Excluir
  13. Aiiii que texto maravilhoso, cara. Fiz um texto sobre crescer que ainda está nos rascunhos, mas depois disso, vou colocá-lo na lixeira! Nem se compara ao seu , pqp...
    Crescer é algo díficil porq ninguém aprende com a dor alheia, é tudo sentindo na pele. Infelizmente.
    Au revoir, Sarah
    http://the-my-smile.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não faz issoooo, com certeza ele vai ser importante para alguém ♥

      Excluir
  14. Adorei este texto
    xx
    adonadasushi.blogspot.pt

    ResponderExcluir